top of page
disp-AM-Aniv-Andrade-1160x160.png
  • Foto do escritorFrancis Júnior Jornalista

Servidores rejeitam "cesta de dinheiro" e cobram 20%

Uma proposta do vereador Gustavo Maciel de transformar alimentos em dinheiro provoca polêmica em João Monlevade.

A proposta foi rejeitada pelos trabalhadores do serviço público de João Monlevade em assembleia convocada pelo Sintramon, o sindicato da categoria.

Foi através de Requerimento que o vereador Gustavo Maciel apresentou ao Prefeito Laércio Ribeiro a recomendação de anexar a Cesta de Natal ao Vale Alimentação.

A ideia era a Prefeitura transferir o benefício para os trabalhadores, em dinheiro, no Cartão de Alimentação para que eles comprassem o que necessitassem no comércio local. A mudança deveria ser efetivada após negociação do Acordo Coletivo de 2023 com o Sintramon.

Como alguns trabalhadores da Prefeitura passaram a reclamar contra a mudança, o Sintramon realizou uma Assembleia. E neste encontro os presentes votaram contra a mudança.

Sindicato cobra 20% de reajuste

Agora a diretoria do Sintramon prepara uma pauta para iniciar negociação do reajuste salarial com a Administração Municipal.

Será durante as reuniões de negociação salarial que a decisão pelo NÃO à proposta do vereador será apresentada.

A presidente do Sintramon, Isaura Bicalho, confirmou que a diretoria vai levar para a mesa de negociação com a Prefeitura uma reivindicação de 20% de reajuste salarial, elevação do Vale Alimentação de R$ 420,00 padra R$ 650,00 e retorno de férias para R$ 1.320,00.

268 visualizações
  • Whatsapp
  • Instagram
bottom of page