top of page
disp-AM-Aniv-Andrade-1160x160.png
  • Foto do escritorFrancis Júnior Jornalista

Curso de artes e bordados

São oferecidas, gratuitamente, 100 vagas para mulheres de João Monlevade.

O projeto A Arte de Bordar, que será realizado em João Monlevade entre os dias 31 de julho e 12 de agosto, oferece oficinas profissionalizantes para mulheres, com formação em bordado e pedrarias.

Em João Monlevade será direcionado à moradoras dos bairros Santa Cruz, Centro Industrial, Pedreira, Jacuí, Vila Tanque, Areia Preta e Baú.

Fernanda Nadal

A formação será ministrada pela artista Fernanda Nadal, que possui trajetória internacional e trabalhos com grandes marcas do mundo da moda.

A artista é fundadora do Atelier & Escola Fernanda Nadal, no Paraná que, há duas décadas é referência quando o assunto é bordado. Entre linhas, agulhas e pedrarias, ela oferece a oportunidade de mulheres terem suas vidas transformadas a partir da arte e da geração de economia e renda. design.

O projeto, viabilizado pela Fundação ArcelorMittal, via Lei Federal de Incentivo à Cultura, ofertará ao longo de 25 horas de curso, a capacitação e o ensino de técnicas da arte de bordado em pedraria, qualificando as participantes para o mercado de trabalho.

Profissionalização

A proposta é uma oportunidade das participantes se capacitarem para o mercado de trabalho e gerar renda para si e suas famílias.

As aulas serão entre 31 de julho e 11 de agosto, com mostra final de encerramento no dia 12 de agosto. As oficinas são combinadas com palestras sobre desenvolvimento sustentável e economia circular, que acontecerão durante as próprias formações.

Os prazos

As inscrições serão abertas no próximo dia 22, sábado, das 9h às 16h, na Fundação Crê-ser Santa Cruz, sala da ABASC: Avenida Santa Cruz, 1010 - bairro Santa Cruz, e na Fundação Crê-Ser Vila Tanque, na Rua Sete, 46, bairro Vila Tanque.

É necessário apresentar comprovante de residência. O prazo para inscrição irá até o dia 26 de julho.

Kits de bordado

As participantes irão receber kits de bordado, compostos por tecido, agulha, fio e pedrarias, além de cartilhas com o passo a passo da arte de bordar, para consulta durante e posteriormente às aulas.

Ao fim da formação, marcado para o dia 12 de agosto, as 100 participantes vão expor o resultado de suas criações na edição mensal da Feira Popular de Economia Solidária, promovida pela Solidariarte.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (51) 9 80570832.

111 visualizações
  • Whatsapp
  • Instagram
bottom of page